24 de ago de 2009

Planejando Casamento


Planejamento
Para que seu casamento seja perfeito e realmente inesquecível, é necessário um bom planejamento!
Aqui nós listamos várias dicas e os passos essenciais para uma boa organização do evento. Lembrando que se os noivos quiserem optar por um serviço de assessoria, é muito bom contratar um cerimonialista, pois eles ajudam no planejamento e na organização do evento em todos os aspectos, deixando o casal mais a vontade.


Ola amigos,

Essas dicas de planejamento encontram-se na maioria dos sites sobre o assunto. Coloquei-os aqui coomo referencia, mas precisamos ter em mente que esses prazos precisam realmente ser reavaliados, afinal correr atras de fornecedores um ano antes, pode-se não conseguir mas data disponivel...

Beijus


12 Meses Antes

  • Decidir entre casamento informal, semi-formal ou formal.
  • Decidir entre casamento religioso ou civil.
  • Visitar igrejas para pesquisa de espaço, estacionamento, horários e tentar defini-la.
  • Fazer uma primeira lista de convidados.
  • Definir padrinhos, pajens e damas de honra
  • Preparativos para a casa (Compra, aluguel ou reforma do local)
  • Organizar documentação básica (Religiosa ou civil)
  • Pesquisar buffet e tentar defini-lo
  • Pesquisa básica de preços.
  • Vestido de Noiva (Costurar ou reformar, se for alugado)
  • Lista do enxoval.
  • Pesquisar e definir os serviços de assessoria para o casamento (cerimonial)

10 Meses Antes

  • Fazer exames de saúde
  • Procurar por decorador da igreja e buffet.
  • Definir regime de bens no Cartório (Levar a documentação).
  • Contratar fotógrafo e equipe de filmagem.
  • Pesquisar e definir os serviços de decoração, som, telão e iluminação.
  • Procurar um cabeleireiro.
  • Formalizar o convite de padrinhos do religioso e civil (os padrinhos recebem convite personalizado), tal como pajens e damas de honra.

08 Meses Antes

  • Definir local e horário da cerimônia.
  • Definir local e horário da festa.
  • Definir os serviços de buffet.
  • Escolher e definir músicos (Cerimônia e festa).
  • Revisar lista de convidados.
  • Conferir decoração.
  • Provar vestido ou supervisionar a produção.

06 Meses Antes

  • Pesquisar Lua de Mel.
  • Pesquisar alianças.
  • Pesquisar e definir lembrancinhas.
  • Pesquisar e reservar o veículo para ir ao casamento (carro, carruagem, etc.).
  • Decidir com as madrinhas o modelo dos vestidos e providenciá-los, tal como dos pajens e damas de honra.
  • Definir trilha sonora com os músicos.

04 Meses Antes

  • Definir lista de convidados.
  • Procurar lojas que ofereçam lista de presente, organizá-la e defini-la.
  • Começar produção dos convites, incluindo ou não cartões de agradecimento pelos presentes.

03 Meses Antes

  • Definir trajes do noivo.
  • Apresentar documentos no cartório.
  • Entregar convites.
  • Definir a Lua de Mel.

02 Meses Antes

  • Marcar as datas dos chás para aproximadamente 15 dias antes do casamento, fazer as listas de presentes e convidar as pessoas.

01 Mês Antes

  • Pesquisar e reservar o Dia da Noiva.
  • Marcar salão, pedicure, manicure, cabelo e maquiagem.
  • Conferir se está tudo em ordem.

15 Dias Antes

  • Fazer lista do que levar na viagem.
  • Reservar, se necessário, hotéis para convidados de fora.
  • Confirmar com a pessoa que irá ajudar a noiva a se vestir.
  • Lembrar do ensaio no local da cerimônia.
  • Conferir vestido.

07 Dias Antes

  • Acertar despesas (Agendar ou antecipar pagamentos que vencem durante a viagem).

03 Dias Antes

  • Manicure, depilação e massagem.
  • Fazer as malas para a Lua de Mel.
  • Confirmar detalhes da Lua de Mel.

02 Dias Antes

  • Mande o plano de mesas para o buffet, se preferir definir os lugares.
  • Faça a mala para lua-de-mel e em outra mala ou valise separe sua roupa para noite de núpcias e prepare a mala para a viagem.
  • Curtir o resto do dia com a família ou descansando.

01 Dia Antes

  • Verificar as alianças.
  • Verificar passaporte e passagens.
  • Verificar se os convidados estão instalados.
  • Confirmar horários com buffet, bolo, músicos, etc.
  • Check-Up no cabelo e unhas.

O Dia D

  • O Dia da Noiva.
  • Evitar comidas pesadas.
  • Evitar dietas de última hora.
  • Agora é só relaxar e ter uma ótima festa!

PLanejando o Casamento






Check List

Geral

  • Definição da Data
  • Lista de Convidados (nome/sobrenome/endereço)
  • Local para cerimônia Religiosa (igreja/salão/sítio...)
  • Local para cerimônia Civil (cartório ou religioso com efeito civil)
  • Organizador de Eventos, usar este serviço ou não?
  • Local para Recepção/Festa (salão/clube/residência/sítio...)
  • Documentação do Religioso
  • Documentação Civil
  • Escolha do Buffet/bolo/salgadinhos
  • Escolha dos Padrinhos
  • Convites personalizados para Padrinhos
  • Escolha de Damas e Pagens
  • Convites
  • Subscrição dos Convites (calígrafo)
  • Escolha do Vestido de Noiva (provas/alterações)
  • Véus e Coroas
  • Sapato (provas/alterações)
  • Bouquet (noiva e damas)
  • Prova de Maquiagem/Cabelo
  • Acessórios
  • Roupas íntimas
  • Jóias/Bijoux da Noiva
  • Lingerie do dia e lua-de-mel
  • Traje do Noivo (provas/alterações)
  • Enxoval
  • Chá-de-cozinha
  • Outros chás (bar, de lingerie, de lata...)
  • Lista de Presentes
  • Decoração da casa
  • Transporte da Noiva para a Igreja (local da cerimônia religiosa)
  • Transporte dos Noivos para recepção/festa

Cerimônia Religiosa

  • Celebrante (padre/pastor)
  • Conhecimento da regras da Igreja (música, arroz...)
  • Documentação para o casamento
  • Ensaio com padrinhos, damas e pagens
  • Transporte da noiva
  • Músicos/Coral (vozes, instrumentos, pianistas...)
  • Definição de trajes de padrinhos
  • Definição de trajes de damas e pagens
  • Locação (candelabros, pedestais, colunas, tapetes...)
  • Decoração
  • Fotografia
  • Filmagem
  • Alianças
  • Transporte dos noivos para a recepção

Recepção / Festa

  • Número de Convidados
  • Aluguel de local (salão, clube, sítio...)
  • Tipo de serviço (americano, à francesa, coquetel...)
  • Cardápio
  • Bolos
  • Salgados e docinhos
  • Bebidas (definição/quantidades)
  • Tipo de mesas e cadeiras
  • Capas para cadeiras
  • Toalhas de mesa
  • Decoração da mesa, entrada ...
  • Lembrancinhas
  • Cumprimentos
  • Música/músicos
  • Som/Telão/ Iluminação
  • Valsa (dos noivos, pais e padrinhos) ou primeira dança do casal
  • Filmagem
  • Palco/Pista
  • Quantidade de Garçons
  • Manobristas
  • Seguranças
  • Limpeza (mesas, banheiros durante e após a festa)
  • Coordenador para checar se está tudo correto, durante e após a festa

Decoração

  • Igreja
  • Porta
  • Altar
  • Bancos
  • Corredor
  • Bouquet
  • Lapela
  • Recepção
  • Porta
  • Salão
  • Mesa Principal
  • Mesas dos Convidados
  • Mesa do Bolo
  • Lavabos

Música

  • Igreja
  • Eletrônica/Ao vivo
  • Entrada do Noivo (padrinhos)
  • Daminhas e Pagens
  • Entrada da Noiva
  • Sermão
  • Pedido
  • Benção das Alianças
  • Cumprimentos
  • Saída dos Noivos
  • Recepção
  • Eletrônica/Ao vivo
  • Entrada/cumprimentos
  • Durante a Festa
  • Valsa dos Noivos
  • Valsa dos Pais

Fotografia e Vídeos

  • Making off dos Noivos
  • Casa da Noiva
  • Civil
  • Pais e Padrinhos
  • Religioso
  • Recepção
  • Fotos Externas
  • Álbum tradicional ou foto jornalismo social (contando a história do casamento)
  • Cópias Extras
  • Ampliações
  • Fotos para porta-retratos

Lua de Mel

  • Roteiro de destino
  • Agência de turismo
  • Roteiro de passeio
  • Documentação
  • Malas e bagagem

23 de ago de 2009

Dicas para organizar o seu casamento à distância



Se está a viver no estrangeiro e quer casar no seu país de origem, não hesite. A distância já não constitui problema. Não fique desesperada, siga as nossas dicas e saiba como casar noutra cidade.


  • 1 Reúna o máximo de informação possível com pessoas que casaram recentemente para saber quais os serviços que funcionam
    2Elabore uma lista de fornecedores com os respectivos preços e orçamentos respeitantes, de forma a ser mais fácil comparar valores.
    3Anote nesse documento observações sobre a disponibilidade e o tipo de resposta ao seu pedido. Uma vez que está a viver no estrangeiro, é importante ir seleccionando os fornecedores. Exemplo: “Pessoa simpática, vai enviar orçamento, está disponível na data XX”.
    4Reúna vários orçamentos e tome em consideração a forma de atendimento, pois será uma amostra do estilo de serviço do dia do casamento.
    5Use fotografias do que estilo de decoração que pretende e para mostrar detalhes aos fornecedores, pois será uma forma rápida de explicar o que pretende e de perceberem o que pretende.
    6Peça ajuda a um familiar que viva na cidade onde será a festa. Se não for possível contar com a ajuda de ninguém, contrate uma empresa organizadora de casamentos, que se responsabilize pelos principais detalhes. Peça a essa pessoa que visite os principais fornecedores e que reúna orçamentos.
    7Quando já tiver seleccionado os fornecedores, desloque-se ao país de origem, de forma a encontrar-se com cada um. Quando estiver a adjudicar os serviços, exija um contrato escrito, evitando mal entendidos.
    8Na véspera, peça a um dos seus familiares para confirmar com todos os fornecedores que tudo estará como combinado.
    9 Quando se estivar a aproximar da data do casamento, delegue tarefas para a véspera e para o dia.

20 de ago de 2009

Save to Date


Os noivos decidiram a data do seu casamento e agora é hora de anunciar a data da união para todos os seus familiares e amigos.

O Save the Date (em português significa “Reserve a data” ou “Guarde a data”) é um aviso que os noivos enviam aos futuros convidados para que eles reservem na agenda aquela data e não assumam nenhum outro compromisso. Funciona como um comunicado, com maior antecedência, da data do casamento... o que permite aos convidados a possibilidade de saberem a data do casamento com bastante tempo e assim podem organizar-se melhor e não marcarem nada para a data de seu casamento, e principalmente aqueles que residem em lugares distantes. Além de ser uma forma diferente e original de informar a todos a data do casamento.

O pré-convite pode ser enviado de três a nove meses antes do casamento e precisa ser encomendado bem antes do convite oficial.
É importante que o pré-convite contenha a data do evento, o nome dos noivos, o local do evento, como a cidade e o estado, e frases do tipo “Reserve a data para o casamento de...” e “O convite será enviado a seguir”.

Os convidados sentirão muito importantes e com certeza não serão jogados no lixo ou excluídos como emails ou perdidos nos blogs e textos. E o melhor de tudo: servirão como um aviso diário do seu casamento.

Como os convites formais costumam ser enviados com uma antecedência menor, o Save the Date permite que os convidados possam planejar melhor. Atualmente, além desta função, o pré-convite é uma maneira elegante, criativa e delicada a começar a envolver as pessoas com o evento que irá acontecer.
O pré-convite não substitui o convite original.

Abraços

Fico por aqui

18 de ago de 2009

Tipologia de Eventos

Ser Cerimonialista ou Organizador de Eventos, virou moda, talvez pelo glamour apresentados pelos personagens de novelas que exerciam tal função. Por causa disso, muitos intitularam-se profissionais da área, e fazem os eventos sem ao menos saber os passos necessarios para garantir um evento que funcione e esteja amparado dentro da lei. Sim, Legislação...Como Cerimonialista temos que seguir legislação especifica . Acredito que você nem imaginava que existia, pois é existe. Temos visto também eventos cientificos, conceituados erradamente, Workshops que são na verdade palestras...seminarios que são na verdade paineis...Socorro....
Para ajudar, vez ou outra deixarei dicas aqui....
Degustem.....
Bikokas fofas a todos
  • Colóquio: conversa ou palestra entre duas ou mais pessoas.

  • Conferência: discussão de um tema de interesse comum de um determinado grupo de pessoas.

  • Congresso: reunião periódica de um grupo especialista em determinada matéria, normalmente promovida por uma entidade associativa; tem por objectivo estudar e discutir assuntos de interesse e pode gerar a edição de um documento oficial.
  • Convenção: encontro de indivíduos ou representação de classes onde se delibera sobre determinados assuntos.

  • Curso: conjunto de conhecimentos transmitidos de acordo com um programa prévio.

  • Exposição: apresentação de produtos ou serviços.

  • Feira: tem por objectivo proporcionar o contacto com canais de comercialização, promovendo o encontro entre fornecedores e compradores, definindo tendências de mercado. Pode ocorrer paralelamente a um congresso ou convenção.

  • Fórum: discussão de um determinado assunto que reúne representantes de múltiplas entidades.
  • Mesa-redonda: reunião de pessoas entendidas que discutem, em pé de igualdade, sobre determinado assunto.

  • Mostra: acto de apresentar produtos e serviços.
  • Painel: exposição geral sobre um determinado assunto, estabelecendo uma visão relativamente a um tema.

  • Seminário: congresso cientifico ou cultural.

  • Simpósio: reunião de cientistas, técnicos ou artistas para debater determinado assunto.

Utilização de Flores em Eventos

Organização de Eventos (XLIII) A utilização das flores na decoração e nos cenários dos eventos

Embora cada vez menos se recorra à utilização de flores em eventos, quer na decoração dos cenários, quer até na decoração de uma mesa de refeição, considero que, neste último exemplo, as flores são indispensáveis.

Deixo alguns comentários:

a) Ter uma ideia precisa da necessidade de utilização de flores num evento, não as usando apenas porque é (ou era) "tradição" colocar flores!


b) Adequar a forma e o tipo de flores ao cenário desenhado para o evento e, também, ao evento em si;


c) Atentar ao facto de que nem todas as cores de logótipos podem ou devem ser reproduzidos nas cores das flores;


d) Procurar estruturar arranjos, para mesas de presidência, em que as cores fortes se situem no centro;


e) As flores abertas devem situar-se ao centro do arranjo e as fechadas na zona mais alta e extremidades;


f) Os arranjos para meses de presidência não devem conter flores com cheiro, nem de grande dimensão;


g) Informe-se sobre a simbologia das cores;

h) Não faça do seu evento um jardim!

A linguagem das flores, no período vitoriano era um meio de comunicação, em que quer as flores, quer os arranjos florais eram usados para enviar mensagens codificadas, permitindo a expressão de sentimentos entre casais apaixonados, visto que dificilmente teriam oportunidade de conversar.

Esta forma de comunicar está hoje praticamente esquecida. Restam-nos, ainda, algumas utilizações como as mensagens das rosas.

Embora tenha sido popular no período vitoriano, o uso simbólico de flores este remonta à Antiguidade. No período medieval e renascentista as flores receberam, maioritariamente, um significado moral, visível na arte sacra, em que os Santos são representados com flores emblemáticas das suas virtudes.

Considere, igualmente, a simbologia das flores:

Amarílis: orgulho
Amor-perfeito: pensamentos
Antúrio: sedução
Begónia: felicidade
Camélia: beleza perfeita
Cravo: em Portugal, o cravo vermelho é um símbolo da Revolução de Abril de 1974. O cravo simboliza liberdade
Crisântemo: estou apaixonado
Dália: crescimento
Girassol: pode significar arrogância ou altivez, assim como respeito ou sorte
Gerânio: tristeza
Íris: mensagem
Jacinto: mágoa
Jasmim: elegância
Lírio: pureza
Madressilva: meiguice
Margarida: inocência
Miosótis: amor verdadeiro
Narciso: vaidade
Orquídea: beleza
Rosa: as vermelhas são paixão, as brancas pureza, as amarelas traição e as rosa afeição
Tulipa: declaração de amor
Violeta: modéstia

Susana de Salazar Casanova

19 de mar de 2009

Raul Christiano, sendo empossado como Imortal









Na posse de Raul Christiano , nosso querido amigo, poeta e também escritor, como Imortal, a equipe da SS3 Eventos estava presente atuando no cerimoninal.